#320/365

320 - Qual é o seu prazer culpado?
2017: há um bom tempo tenho trabalhado interiormente para não sentir culpa, sentimento dos  que mais nos prejudicam e sabotam, mas é um padrão resistente sobre o qual trabalho constantemente para muda.

2016: idem à anterior, tenho a consciência bem tranquila.

2015: não me culpo pelos prazeres de hoje porque todos se originam em sentimentos ou desejos sinceros e bem pensados.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog